Plataformas

Outras Mídias

The Classics Games. Criado por Maxwel Gamer.. Tecnologia do Blogger.

Seguidores

3 de dez de 2012
   (Sangue, armas, porradaria, e dinossauros)

Ps: Eu estou procurando autores de análises que querem participar do blog, os interessado entrem em contato comigo.

Ps²: Essas prints abaixo foram tiradas da análise antiga (e upadas por mim).


(Para quem não gosta da violência de MK, nem jogue esse jogo)

História: A história é ambientada em 2513, depois de uma catástrofe ambiental que provocou um colapso na civilização no século XX e o ressurgimento dos dinossauros. O usuário pode escolher quatro personagens no jogo, percorrer Nova Iorque parcialmente submersa e se aventurar em selvas tropicais, desertos e vilarejos perdidos para enfrentar vilões, dinossauros e seres mutantes (meio-homens, meio-dinossauros) para enfrentar o dr. Fessenden.



(Esse indivíduo verde não é o Blanka... Mas parece)

Gráficos: Os gráficos do jogo são bem agradáveis, bonitos, e bem feitos, melhorando o que a Capcom já tinha feito nos Beat em Up/Hack N' Slash anteriores lançados para a placa CPS1/CPS1 System Dash. Os personagens são muito bem desenhados, grandes, caricatos (talvez devido C&D ser baseado em uma HQ), e coloridos, sendo um dos Beat em Up mais bonitos para a CPS1 (perdendo só para o Megaman: The Power Battle e o Warriors of Fate). Os cenários são um show a parte, bem detalhados coloridos, e que passam uma ideia de universo steampunk/pós-apocalíptico (C&D não é pós-apocalíptico, mas parece). Os detalhes mais impressionantes do cenário são os efeitos de fogo (que é fantásticamente lindo) e o efeito de água (que é muito bem feito). Os dinossauros são muito bem feitos também, tendo um bom nível de detalhes.


(Esse é o melhor efeito de fogo feito para um Beat em Up)

Som: O jogo usa o chip de som Q Sound, que proporcionou belos sons para os games da Capcom (ela foi adaptada para a CPS1 -que ficou com o nome de CPS1 System Dash-, mas ficou nativa na CPS2). Devido ao chip Q Sound, as músicas tiveram um arranjo com sons mais reais e nítidos (é uma pena que Captain Commando não tenha usado a Q Sound), deixando tudo com uma qualidade melhor. Os efeitos sonoros são muito bem feitos e críveis, diferentes de outros Beat em Up/Hack N' Slash que tem gritos bastante exagerados.


(Maximum Carnage!!!... Ops, esse é outro jogo)

Jogabilidade: O jogo segue a onda dos Beat em Up/Hack N' Slash da Capcom (Beat em Up/Hack N' Slash em geral da época, para ser mais preciso), onde o objetivo é sair dando porrada em todo meliante/dinossauro que aparecer na sua frente até o final do jogo. As principais diferenças dos outros é que esse você pode pegar armas, granadas, dinamites, pedras, tochas, e etc em muitos momentos do jogo, além do Special Moves (baixo, cima e soco), da corrida (esse aqui pego de Captain Commando). Na 3ª fase você pode ir com um Cadillac até o Boss, encurtando a fase.




Nome do jogo: Cadillacs and Dinosaurs
Plataforma: Arcade
Gênero: Beat em Up
Desenvolvedora: Capcom
Distribuidora: Capcom
Ano do Lançamento: 1992

Notas:

Gráficos: 10
Sons: 10
Jogabilidade: 10
Diversão: 10
NOTA FINAL: 10

Conclusão: Vocês votaram, e tá aí a análise desse clássico refeita, vou deixar a análise antiga ainda no ar para deixar as raízes do blog à amostra. O jogo é um dos melhores Beat em Up/Hack N' Slash da época, misturando inovação, evolução, e diversão.

Prós
Gráficos soberbos
Som melhorado
Q Sound
Jogabilidade inovadora
Bosses carismáticos
Traços dos personagens
A fase do Cadillac
Armas, granadas, tochas...
Sangue, Sangue, Sangue. A vida é sangue (sem Xuxa aqui)...
O final

Contra
...

Se você quiser de qualquer forma contribuir com o blog, ser um colaborador ou qualquer outra coisa sempre deixe um comentário. Comente sobre a análise e alguma história com a série/jogo (e dê muitos puxões de orelha se eu falei alguma besteira).

3 comentários:

Aluizio Torres disse...

o que eu votei que ganho era esse que eu queria

Aluizio Torres disse...

Somos da antiga snes1990 viramos ilha dos games peço que vcs troquem o nosso banner
ilha-dos-games.blogspot.com

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

joguei muito Cadillacs. o pessoal da rua ia muito com o Mustapha, mas preferia o Mess.O, era mais fácil descer a porrada com ele. foi o primeiro e unico arcade que zerei com o meu irmão, muito bem lembrado desse game

Parceiros