Plataformas

Outras Mídias

The Classics Games. Criado por Maxwel Gamer.. Tecnologia do Blogger.

Seguidores

1 de dez de 2012
       (Aprimorando o que já era bom)

Ps: Eu estou procurando autores de análises que querem participar do blog, os interessado entrem em contato comigo.

Obs: Todas as prints tiradas por mim.


(As belas cutscenes ajudam melhoram o entendimento da história)

História: A história de Final Fight 3 se passa um tempo após os acontecimentos de Final Fight 2, onde a Mad Gear foi finalmente aniquilada. Para infelicidade do prefeito Haggar, com a queda da Mad Gear uma outra gang criminosa resolveu dominar as ruas de Metro City: a famigerada “Skull Cross Gang”. Coincidentemente bem no dia em que Guy retorna a Metro City, após um longo período de treinamento, Haggar vê da janela de seu escritório que a paz de sua cidade está mais uma vez ameaçada: uma grande explosão ocorre no centro de Metro City, e criminosos das piores espécies estão fazendo um verdadeiro caos em vários pontos da cidade! Haggar parte então juntamente com Guy, a detetive Lucia e o lutador de rua Dean para os locais onde os membros da “Skull Cross Gang” estão agindo, afim de trazer mais uma vez a paz em Metro City.



       (Tela de seleção de personagem)

Gráficos: Os gráficos do jogo estão muito melhores do que os de seus antecessores, apresentando animações mais suaves, e cores vibrantes. Os cenários são bastante variados, bonitos e coloridos, como todo cenário de um jogo Beat em Up deve ser, e, assim como outros jogos do gênero feito pela senhorita Capcom, há elementos destrutíveis no background do cenário (como encanamentos, janelas, etc). Os personagens são muito bem feitos, possuem uma boa quantia de cores, animações suaves, bonitas e bem detalhadas, deixando pra trás os personagens "sem vida" dos jogos anteriores para o SNES. Os bosses são muito bem feitos, combinando perfeitamente com o tema do cenário, além de terem sprites bem grandes.


(PILÃÃÃÃÃÃÃAÃÃÃÃAÃÃÃOOOOOOOOOOooo)

Som: O som do jogo é o melhor da trilogia do SNES, com uma trilha sonora mais apurada e efeitos sonoros de ponta. A OST do jogo é maravilhosa, com músicas memoráveis como "Law Disorder" (não, não é o nome de uma paródia de Law & Order), "For Metro City" e outras que marcam até hoje os gamers. Os efeitos sonoros são de cair o queixo, tendo uma qualidade extremamente alta de qualidade, como o efeito de explosões durante a cutscenes de encerramento, ou o som do helicóptero do boss final, tudo caindo como uma luva para a atmosfera do jogo.


(Super PILÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOOOooo)

Jogabilidade: A jogabilidade deu um grande upgrade em comparação com o 2º Final Fight para o SNES, com a jogabilidade mais solta e divertida. Os personagens ganharam mais movimentos, como a corrida (excelente para mandar uma sequência), o special move (como em Streets of Rage 2, dando uma meia lua para frente, e outro apertando os botões de soco e pulo ou apertando o A), e o movimento Super, que arranca (ou mata) uma boa quantia de life do inimigo. A resposta dos controles é muito boa, deixando os combates bem dinâmicos. O jogo também conta com fases bonus bem criativas, armas brancas que dependendo do personagem que está usando-a, pode ser executados combos (exemplo: Guy pode dar combos somente com o Nunchaku), um modo de onde a CPU controla o 2º jogador (eu não recomendo muito porque ela é uma jumenta), além de você poder escolher caminhos em algumas fases, que pode mudar até o final da fase. 




Nome do jogo: Final Fight 3
Plataforma: SNES
Gênero: Beat em Up
Desenvolvedora: Capcom
Distribuidora: Capcom
Ano do Lançamento: 1994, 1995

Notas:

Gráficos: 10
Sons: 10
Jogabilidade: 10
Diversão: 10
NOTA FINAL: 10

Conclusão: A Capcom mostrou pra dona SEGA que poderia rivalizar com a trilogia Streets of Rage, mostrando um encerramento digno para a trilogia. Um Clássico que merece ser jogado por todos que gostam de Beat em Up.

Prós
Tudo

Contra
...

Se você quiser de qualquer forma contribuir com o blog, ser um colaborador ou qualquer outra coisa sempre deixe um comentário. Comente sobre a análise e alguma história com a série/jogo (e dê muitos puxões de orelha se eu falei alguma besteira).

1 comentários:

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

final fight 3 foi da trilogia o que mais joguei. mas muitos dizem que o melhor é o Final Fight 2, não que o 3 seja ruim. só que quando esse game chegou, quase ninguém queria saber do SNES, todos queriam o N64. eu acho que melhorou bastante a jogabilidade e os golpes. as fases com os caminhos para se escolher deixavam o replay do game alto, pois poderia terminar o game em vários caminhos. havia uma lista média de golpes para se fazer com cada personagem, eu ia com o Guy no inicio, mas gosto mesmo de ir com a Lucia. só pelo fato de ser uma gostosa e pelo seu ataque especial ser o mais difícil de se realizar dos quatro heróis. para mim é recompensador quando faço duas diagonais para baixo, frete e ataque.

um bom game, sem duvidas.

Parceiros