Plataformas

Outras Mídias

The Classics Games. Criado por Maxwel Gamer.. Tecnologia do Blogger.

Seguidores

19 de set de 2012
(Os irmãos heróis Estrelares Armados em sua primeira investida nos games)

Ps: Eu estou procurando autores de análises que querem participar do blog, os interessado entrem em contato comigo. 

Obs: Eu recomendo você dá uma olhada no review sobre Gunstar Heroes feito pelo nosso parceiro Museum dos Games (clique aqui), um review feito pelo nosso parceiro Shugames (clique aqui) e o Retroreview especial sobre feito pelo nosso parceiro Retroplayers (clique aqui).



      (Velocidade é o que não falta durante o jogo)

História: A família Gunstar era a protetora do planeta Gunstar 9 (G-9, onde o jogo se passa). Em sua juventude, O professor White Gunstar derrota Golden Silver, um andróide que buscava explorar o planeta e consumir todos os seus recursos, aprisionando-o numa das luas de G-9. A fonte de poder do robô eram as jóias Mystic Gems, removidas antes do decreto de ostracismo. Professor White foi capaz de extrair os quatro famosos Mystical Gems, a fonte de energia do robô.Anos mais tarde, uma nova ameaça aumenta. Smash Daisaku, um ditador cruel descobre que os Gunstars sabiam a localização das Mystical Gems. Um dia, Smash Daisaku raptou o irmão mais velho Gunstar Green e usou uma máquina de controle da mente para fazer Green obedecer às suas ordens. Com as Mystic Gems nas mãos, o vilão prepara-se para libertar Golden Silver e invadir G-9. Cabe aos irmãos Gunstars Red e Blue salvar o G-9.



(Qualquer semelhança com Dr. Robotnik é mera coincidência... Ou não)

Gráficos: Os gráficos do jogo talvez seja o que mais destacou o jogo, utilizando efeitos que ninguém (antes do jogo) pensava ser possível. Os sprites do jogo são muito bem feitos, utilizando um estilo anime incomparável para a época (será que existe anime de Gunstar Heroes ???). O jogo conta com muitos efeitos na tela, como rotações, explosões, fogo, bastante inimigos na tela (chega a ser ignorante a quantidade de inimigos em algumas partes), muitos tiros, detalhes absurdos no fundo,  elementos "3D" (OMFG!!! Esses efeitos "3D" lembram muito os elementos de Galaxy Force 2), e uma velocidade de dar inveja para qualquer Run N' Gun. Os cenários do jogo são bem variados e bem feitos, contando com uma ambientação única no jogo, além de um level design único no jogo (lembra muito a variação de fases do Sonic the Hedgehog de Master System). Os Bosses/Sub-Bosses/Mini-Bosses do jogo são uma das coisas mais maravilhosas de toda a geração 16 bits, sendo um primor visual até hoje, contando até com um que se parece um Transformer, se transformando de um robô, até uma serra que quer te fatiar, até uma pistola (quando você enfrenta o Green).


  (Olha só o "nipe" da animação desses Boss...)

Som: O som do jogo segue a mesma qualidade do gráfico, ou você pensou que aqui teria uma queda de qualidade ??? Cada tipo de tiro tem seu efeito sonoro, diferenciando-os no som. O som de explosão é muito bem feito, sendo um dos efeitos sonoros que você mais ouvirá no decorrer do jogo (afinal, esse jogo parece ter sido tirado da mente pirotécnica de Michael Bay). As músicas do jogo são perfeitas para esse tipo de jogo, combinando com o ritmo acelerado do jogo, além de fazer uma combinação perfeita com os efeitos sonoros (explosões, explosões, explosões...), te deixando mais energizado do que o normal (meus pé esquerdo ficou balançando freneticamente em algumas partes do jogo).


(Acho que Michael Bay adoraria fazer um filme baseado em GH)

Jogabilidade: Você ficou impressionado com o que eu disse sobre o som e o gráfico do jogo ??? Então se prepara que aqui não será diferente. A jogabilidade é uma das melhores do gênero (a melhor, na minha opinião), misturando elementos já empregados em outros jogos (como Contra III, que aliás, foi feito por muitos produtores da Treasure-dizem que a Treasure é formado pelo pessoal que fez Super Castlevania IV, Contra III e Rocket Knight Adventures, mas, não tenho material para confirmar esse fato-), misturando com elementos novinhos em folha. Alguns elementos novos é a chance de você agarrar o inimigo (tanto no ar, quanto no solo) e taca-lo para várias direções, a fusão de dois tipos de tiros, que resultam em um estilo "novo" (você pode até repetir o mesmo tipo de tiro, para esse ficar mais poderoso), rasteira, etc. As luta contra os Bosses/Sub-Bosses/Mini-Bosses são épicas, cada um tendo características e uma estratégia própria (como em Contra III). O jogo conta com um modo Multiplayer, mas, como eu adoro jogar forever alone, eu não testei esse modo. Ouvi gente reclamar da duração do jogo, mas, eu achei a duração do jogo perfeita para o tipo de jogo, já que a dificuldade para os não-iniciados (The Dark Knight Rises mode on) é alta (já pensou o quanto seria chato um Contra com mais de 3 horas ???).




Nome do jogo: Gunstar Heroes
Plataforma: Mega Drive, Game Gear
Gênero: Run N' Gun
Desenvolvedora: Treasure, M2 (Game Gear)
Distribuidora: SEGA
Ano do Lançamento: 1993

Notas:

Gráficos: 10
Sons: 10
Jogabilidade: 10
Diversão: 10
NOTA FINAL: 10

Conclusão: Clássico, divertido, perfeito, são nessas palavras que se resume Gunstar Heroes. Mesmo tendo muitos jogos de peso na época, GH se destacou pela sua qualidade, ainda mais pelo fato impressionante de ser o 1º jogo de uma empresa recém fundada. Jogo obrigatório para todo fã de Run N' Gun e que quer um bom divertimento.

Prós
Tudo

Contra
...

Se você quiser de qualquer forma contribuir com o blog, ser um colaborador ou qualquer outra coisa sempre deixe um comentário. Comente sobre a análise e alguma história com a série/jogo (e dê muitos puxões de orelha se eu falei alguma besteira).

3 comentários:

TURBO GAME disse...

olá, eu sou do blog turbo game dicas e estou vendendo no mercado livre um video game portatil e queria pedir a colaboração de você que é parceiro do meu blog para ajudar a divulgar na venda, se puder fazer isso por mim eu agradeço muito, entre nesse link e copie essa materia e poste nesse blog valeu, http://turbogamedicas.blogspot.com.br/2012/09/video-game-portatil-venda.html um abraço: turbo game dicas,downloads e softwares

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

Gunstars Heroes parece ser divertido. e a fase final do game é muito criativa, com os chefes finais estando numa sala e vendo o herói. e de um em um se levantam e vão enfrenta-lo.

SNES disse...

Pronto Banner eu criei um pra voce poder ver la ! se vc quiser usar eu deixo o codego aqui nos coments e vc coloca numa coluna como java html!

Parceiros